Blog Fazendo as Malas

Novo passaporte de 10 anos: descubra o custo e o que muda na prática

A Polícia Federal e a Casa da Moeda lançaram a nova versão do passaporte brasileiro, que terá um prazo de validade maior e quase o dobro do preço.  O novo modelo apresentado já está sendo emitido para quem entrou com o pedido de novas expedições e renovação do passaporte desde a última segunda, 6 de julho.

O projeto para o novo padrão foi anunciado em dezembro de 2014. Na época a Polícia Federal informou que um grupo de trabalho seria constituído para implementar essas alterações até 2015. O prazo foi necessário planejar as alterações na caderneta e as adaptações aos certificados digitais, inseridos no chips dos passaportes.

O que muda no novo passaporte

O prazo de validade
O novo passaporte passa a valer por dez anos. O modelo anterior expirava em cinco anos. Levando em conta que muitos países requerem que o passaporte tenha no mínimo 6 meses de validade na data de entrada, na prática a versão anterior podia terminar só sendo útil por 4 anos e meio.

A tecnologia de segurança
Foi adotado um novo padrão de criptografia de curvas elípticas brainpool para assinatura digital, dando maior segurança aos dados armazenados no chip. Foram feitas também modificações na capa e na imagem invisível fluorescente para aumento da durabilidade do passaporte.

O Brasil passou também a fazer parte do Diretório de Chaves Públicas da ICAO (Organização Internacional de Aviação Civil), o que agilizará a verificação de autenticidade do passaporte brasileiro nos postos de controle migratório no exterior. O sistema brasileiro de emissão de passaportes também passou por novas adaptações e nova certificação digital, o que garantirá maior segurança ao documento.

O preço
O valor para adquirir o novo modelo é de R$ 257,25. Isso significa 100 reais a mais do que a versão antiga. Entretanto, considerando que passa a valer por 10 anos, podemos dizer que o custo anual caiu. Entretanto temos que lembrar que uma década é muito tempo e nesse período o documento pode se desgastar muito a ponto de precisar ser substituído antes dos 10 anos.

Além disso para os viciados em viagem provavelmente o documento não vai durar uma década, visto que antes disso deve estar cheio e não ter mais páginas disponíveis para vistos e carimbos.

A capa
A nova versão ganhou um layout com cinco estrelas representando a constelação do Cruzeiro do Sul e a inscrição "Passaporte Mercosul". O brasão da república saiu e entrou também uma faixa em parábola, tudo em dourado. O símbolo do chip, que indica se tratar de uma passaporte eletrônico continua na capa.

Capa do novo passaporte Capa do novo passaporte

 

Local de emissão
Entre várias outras mudanças que constam no decreto, os passaportes comum, para estrangeiro e de emergência passarão a ser expedidos, no exterior, apenas pelas repartições consulares. As missões diplomáticas, que também tinham essa atribuição, foram excluídas no novo texto que regulamenta a emissão de passaporte.

Veja todos os detalhes do novo passaporte

Como fica o antigo passaporte

Para quem ainda tem a versão antiga, o documento continua valendo até o fim do prazo de validade. Apesar disso na prática você pode solicitar um novo documento a qualquer momento, mas terá de arcar com o custo. Se não apresentar o anterior, mesmo se tiver ocorrido perda, roubo ou extravio, você precisará pagar a taxa em dobro.

É importante destacar a continuidade  da validade do antigo para que as pessoas não gastem tempo achando que precisam trocar o documento. Os dois modelos vão conviver por alguns anos.

Como solicitar

O procedimento para solicitar um passaporte continua o mesmo. O primeiro passo é acessar a página da Polícia Federal e lá seguir as orientações descritas.

Encontrou erros nesse post? Comunique!

Viagens

Ver todas
RBBV Código Criativo